Acesso Facil
Buscar

Notícias

Moto

Linha 2012 da CG 125 Fan e CG 150 Fan chega às concessionárias Honda 
27/10/2011 10:42 
  • Compartilhar link

Líder em vendas, modelos são ideais para uso urbano e lazer aos finais de semana


Sucesso entre os motociclistas brasileiros, a linha 2012 da CG já está disponível em toda a rede de concessionárias Honda. Atributos como versatilidade, durabilidade, robustez, economia e baixa manutenção, fazem dos modelos opções ideais para o dia a dia.


A CG 125 Fan atende às necessidades de um número cada vez maior de pessoas por ser acessível e com vocação para uso no transporte diário ou para o trabalho. Líder em sua categoria, a motocicleta já acumula mais de 234.000 unidades vendidas neste ano.


Com a CG 150 Fan, a Honda reforça o pioneirismo em oferecer modelos com tecnologia avançada, além de reforçar sua proposta na preservação do meio ambiente. Impulsionada pelo sucesso das motocicletas Flex, a CG 150 Fan mantém o sucesso nas vendas. Entre 2011, foram comercializadas mais de 200.000 unidades do modelo.

CG 125 Fan: sinônimo de fácil pilotagem


Lançado no mercado brasileiro em 2005, o modelo chama a atenção pela versatilidade, preço e facilidade de pilotagem, uma tradição da família CG. Seu design robusto é bem aceito aliando praticidade e esportividade. Na dianteira, o conjunto óptico apresenta farol redondo com refletor multifocal e lâmpada de 35/35W, além de piscas com visual moderno. Já a traseira recebe lente com refletores integrados. O painel de instrumentos conta com velocímetro, hodômetro total, luzes indicadoras de neutro, direção e farol alto. Outro destaque do modelo está no conforto.

A CG 125 Fan conta com assento largo e ergonômico, que acomoda melhor tanto piloto quanto garupa. O tanque tem capacidade de 15,1 litros, e possibilita melhor encaixe das pernas do motociclista e facilita ainda mais a pilotagem. Para o passageiro, as alças traseiras são altas e garantem uma viagem confortável e segura.
A CG 125 Fan é equipada com m

otor de 124,77 cm3, OHC (Over Head Camshaft), monocilíndrico, 4 tempos, arrefecido a ar e alimentado por carburador do tipo PD, com 22,26 mm de diâmetro do Venturi. O modelo tem potência máxima de 11,6 cv a 8.250 rpm e torque de 1,06 kgf.m a 6.000 rpm.
O conjunto conta com catalisador que permite que o modelo atenda com folga os limites de emissões estabelecidos pelo Promot (Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares).


O chassi é do tipo Diamond estampado, e oferece grande resistência a torções, excelente dirigibilidade, além de agilidade em manobras. O modelo recebe um conjunto de suspensões com curso de 115 mm na dianteira e 82 mm na traseira, garantindo um comportamento progressivo e estável.
Os pneus, do tipo 80/100 – 18M/C47P na dianteira e 90/90-18M/C57P na traseira, aliados aos amortecedores traseiros, permitem ajustar de acordo com o peso transportado, além de proporcionar mais equilíbrio.


A CG 125 Fan traz ainda freios a tambor, com 130 mm de diâmetro tanto na dianteira quanto na traseira, além de transmissão de cinco velocidades e embreagem multidisco em banho de óleo. Todos esses atributos garantem uma pilotagem eficiente e engates mais precisos.

Tecnologia Flex na Fan


As motocicletas bicombustíveis conquistaram o público brasileiro, e com a CG 150 Fan não foi diferente. O modelo foi lançado em outubro de 2010 e chamou a atenção pelo sistema Flex (tecnologia Mix Fuel Injection), injeção eletrônica de combustível (PGM-FI) e partida elétrica. Com isso, a motocicleta pode ser abastecida com etanol (álcool), gasolina ou com a mistura de ambos.


Para atender as diferentes necessidades dos motociclistas, a CG 150 Fan é comercializada em duas versões: ESi (partida elétrica e injeção eletrônica PGM-FI) e ESDi (que recebe freio a disco). E está disponível nas cores preta, vermelha e cinza metálica.


Seu design conta com linhas marcantes, transmitindo versatilidade e robustez. Com capacidade de armazenar 16,1 litros de combustível, o tanque associa esportividade e formato anatômico, permitindo o encaixe confortável das pernas do piloto.


Com relação ao conjunto óptico, o modelo recebe farol redondo com refletor multifocal e lâmpada de 35/35W, além de piscas com visual moderno na parte dianteira. Na traseira, a rabeta esportiva leva a mesma cor do tanque, com lanterna e piscas integrados.


O escapamento em aço inox com acabamento na cor preta conta com protetor cromado na maior parte de sua extensão, proporcionando mais segurança.
Para auxiliar as pessoas com relação ao funcionamento da tecnologia Flex, o painel da motocicleta traz a luz “ALC”, que acenderá sempre que houver maior concentração de etanol (álcool) no tanque e piscará em condições de temperatura ambiente abaixo de 15ºC. Para complementar o conjunto, o painel apresenta velocímetro, hodômetro total, marcador de combustível, luzes indicadoras de neutro, direção e farol alto, além de lâmpada de diagnóstico da injeção eletrônica localizado no lado esquerdo.


A CG 150 Fan recebe o motor OHC (Over Head Camshaft), monocílindrico, quarto tempos, de 149,2 cm3, arrefecido a ar, com comando de válvula no cabeçote e balancins roletados. Apresenta potência de 14,2 cv a 8.500 rpm e torque máximo de 1,32 kgf.m a 7.000 rpm. O modelo é alimentado por sistema de injeção eletrônica PGM-FI (Programmed Fuel Injection). Conta ainda com transmissão de cinco velocidades e embreagem multidisco em banho de óleo, que oferece acionamento preciso e macio. É dotada de partida elétrica e bateria selada, de maior vida útil e isenta de manutenção.
Seu chassi é tipo “Diamond” estampado, e oferece grande resistência a torções, boa ciclística e dirigibilidade, além de agilidade e estabilidade em manobras urbanas.


O modelo recebe suspensões de 130 mm de curso na dianteira, e 101 mm na traseira, garantindo estabilidade e progressividade. Os pneus são do tipo 80/100-18M/C47P na dianteira e 90/90-18M/C57P na traseira, aliados aos amortecedores traseiros que permitem ajustes de acordo com o peso transportado.


A versão ESi conta com freios a tambor com 130 mm de diâmetro tanto na dianteira quanto na traseira, garantindo eficiência e progressividade. Já a ESDi é equipada com freios a disco na dianteira e tambor na traseira.


A CG 150 Fan está disponível por R$ 6.290,00 para a versão ESi, e R$ 6.590,00 para ESDi. Já o modelo 2012 da CG 125 Fan está disponível nas versões KS (partida pedal) e ES (partida elétrica), nas cores vermelha, preta e roxa. O preço público sugerido é de R$ 5.190,00 (KS) e R$ 5.696,00 (ES).
Os valores têm como base o Estado de São Paulo e não incluem despesas com frete e seguro. A garantia é de um ano, sem limite de quilometragem.


Jornalista Responsável: Ricardo Ghigonetto (Mtb. 14.150)