Encontrar uma concessionária

Gasolina comum, aditivada e premium: entenda as diferenças

Na Garagem

Dicas de funcionamento e manutenção, acessórios e equipamentos de pilotagem e tudo que você precisa saber para cuidar bem da sua motocicleta.

Gasolina comum, aditivada e premium: entenda as diferenças

Na Garagem 05/07/2021

Na maioria dos postos de combustíveis do Brasil são oferecidos, basicamente, três tipos de gasolina: comum, aditivada e premium. Este trio de opções gera uma dúvida, muito procedente por sinal: qual é a melhor gasolina para sua motocicleta?

A Honda aconselha o uso da gasolina comum em seus motores, sejam aqueles dotados da tecnologia FlexOne – que podem funcionar com etanol ou gasolina, em qualquer proporção – e também nos projetados para uso apenas com gasolina.

Esta recomendação pode dar um nó na cabeça do consumidor, que talvez veja nas gasolinas mais caras – a aditivada e a premium –, as melhores opções em função de uma suposta maior qualidade. Porém, há uma razão para a Honda determinar que todos os seus motores devem, preferencialmente, consumir a mais simples e financeiramente acessível gasolina ofertada no país.

Durante o processo de desenvolvimento e homologação de todos os motores das motos comercializadas em território nacional, do pequeno 110cc que equipa a Pop ao gigante 1.800cc da Gold Wing, os técnicos da Honda utilizam a gasolina comum. A razão é ela estar disponível em todo território nacional, diferentemente da gasolina aditivada ou premium, difíceis de encontrar em algumas localidades.

Desta maneira, esteja onde estiver, o dono de uma Honda não precisará se preocupar caso no posto de combustíveis visitado não haja outra opção além da mais acessível e simples das gasolinas o que, convenhamos, é uma tranquilidade (e economia) e tanto.