Encontrar uma concessionária

Grande viagem? Grandes motos! – Parte 1: as tourer

Na prática

Dicas de pilotagem, segurança e muito mais. Para você melhorar o desempenho e a performance e ainda ter mais prazer a bordo da sua motocicleta.

Grande viagem? Grandes motos! – Parte 1: as tourer

Na prática 24/06/2019

Uma grande viagem – grande mesmo! – com uma grande motocicleta é o sonho de praticamente todos os motociclistas, sem exceção. Felizmente nas últimas décadas aconteceu uma verdadeira proliferação de tipos de motos, o que faz com que a escolha do modelo ideal seja complicada principalmente pela quantidade de opções.

Qualquer motocicleta serve para levar do ponto A ao B mesmo que sejam milhares os quilômetros os que separem estes hipotéticos destinos. Mas aí entrou em cena o esmero dos técnicos, que criaram motos para todos os tipos de utilização e, claro, de usuários, seus gostos e necessidades específicas.

No topo da pirâmide das máquinas criadas para engolir quilômetros como se fossem metros está ela, a rainha das tourer, a Honda GL 1800 Gold Wing. Derivada de um apurado processo de evolução iniciado na metade dos anos 1970, atualmente a Gold Wing atingiu um estágio insuperável em termos de tecnologia aplicada e eficiência dinâmica.

honda-gl-1800-gold-wing-2019 (1)_0.jpg

O conforto certamente é sua característica mais evidente, que literalmente salta à vista até mesmo do mais distraído e desinformado dos motociclistas. Porém, o que mesmo os antenados e experientes não imaginam é como o projeto desta máquina mirou prioritariamente na facilidade de uso, o que faz da Gold Wing uma moto muito simples de usar.

Com toda aquela imponência, beirando os 400 kg de peso quando abastecida e carregada, como pode ser a Gold Wing simples e fácil de usar? Assim: em primeiro lugar o motor de seis cilindros contrapostos e o tanque de combustível que se esparrama sob o assento fazem o centro de gravidade ficar muito próximo do solo. Deste modo, as manobras em baixíssima velocidade são surpreendentemente fáceis assim como a obediência nas eventuais mudanças de direção em velocidade elevada. Pensou em alterar a trajetória? Ela já está onde o piloto quer!

Na maior motocicleta da Honda atualmente em produção, a tecnologia aplicada é simplesmente... toda! Diversos controles de gestão do motor, suspensões reguláveis automaticamente convivem com marcha a ré (elétrica!), manoplas e bancos aquecidos, sistema de som “high-end” e protetividade absoluta providenciada por carenagem, para-brisa e até mesmo o exclusivo (e motos) air bag.

Como toda tourer que se preza a Honda GL 1800 Gold Wing foi pensada para percorrer enormes distâncias em rodovias pavimentadas sem cansar piloto e acompanhante. A presença do controle de tração HSTC e da frenagem D-CBS, até mesmo em estradas ruins e escorregadias a segurança está garantida mesmo para quem não tem tanta experiência.

Aliás, este é o real “pulo do gato” da mais sofisticada Tourer da produção mundial: ser incrivelmente fácil de ser pilotada com toda segurança por pilotos com qualquer experiência e de qualquer idade, verdadeiro passaporte para qualquer um descobrir o que há para ver na Patagônia, no Alaska ou cruzar as mais belas paisagens do grande Brasil.

No próximo capítulo falaremos das big-trail, as máquinas para quem quer chegar longe por caminhos não muito convencionais, aliás até mesmo onde não há caminho para chegar...   

Assuntos