Encontrar uma concessionária

Dakar 2021: Honda bicampeã!

Na Competição

Seja no asfalto, na terra, na lama ou na areia, a competição e o universo radical estão no DNA da Honda.

Dakar 2021: Honda bicampeã!

Na Competição 26/01/2021

Pelo segundo ano consecutivo a Honda é a grande campeã da mais desafiadora competição do esporte a motor mundial, o Rally Dakar. Disputado na Arábia Saudita nas primeiras semanas de janeiro, a vitória final coube ao argentino Kevin Benavides, que ao guidão da Honda CRF 450 Rally oficial foi o primeiro sul-americano a vencer no Dakar.

A extrema competitividade da equipe Honda nesta edição do Dakar foi confirmada pela segunda colocação de Ricky Brabec, norte-americano, campeão do Dakar no ano passado, também pilotando uma Honda CRF 450 Rally.

A dobradinha das CRF 450 Rally oficiais no Dakar 2021 espelhou o domínio absoluto demonstrado desde o início da maratona: já no prólogo, percurso que define a ordem de largada para a 1ª etapa, o mais veloz foi o campeão de 2020 Ricky Brabec, seguido por outra Honda oficial, pilotada por seu companheiro de time, o espanhol Joan Barreda.

A Honda dominou nada menos do que nove das doze etapas do Dakar, e foi presença constante nas primeiras colocações de todas as etapas. Merece grande destaque a performance do chileno José Ignácio Cornejo Florimo, que liderou a competição com sua moto CRF 450 Rally oficial durante três dias, mas que infelizmente foi obrigado a abandonar a competição em função de uma queda. Joan Barreda também não teve sorte, uma vez que abandonou a competição no penúltimo dia da disputa por um erro de navegação, quando era 4º colocado na classificação geral.

Para a Honda, essas vitórias consecutivas no Dakar de 2020 e 2021 representam a coroação de um projeto iniciado há quase uma década, quando a marca decidiu retornar oficialmente a esta competição com a CRF 450 Rally, depois de 23 anos de ausência. Campeã do Dakar na edição de 1982 com a monocilíndrica Honda XR 550 pilotada pelo francês Cyrill Neveu, a marca engatou quatro vitórias consecutivas, de 1986 a 1989, com as impressionantes bicilíndricas NXR 750V/780V.

Ao alcançar a vitória neste ano, a sétima em 42 Rally Dakar realizados, a Honda confirma sua atual supremacia tecnológica, evidenciada pela total ausência de problemas técnicos nas CRF 450 Rally, além de demonstrar a capacidade de seus pilotos, todos eles vencedores de etapas, todos eles candidatos potenciais à vitória final.