Encontrar uma concessionária

Descubra a luva ideal para andar de moto com segurança

Na Garagem

Dicas de funcionamento e manutenção, acessórios e equipamentos de pilotagem e tudo que você precisa saber para cuidar bem da sua motocicleta.

Descubra a luva ideal para andar de moto com segurança

Na Garagem 02/06/2020

A melhor luva para andar de moto é... qualquer uma, desde que você a use! Espera, espera, não é bem assim. Na verdade, a melhor luva para andar de moto depende do tipo de uso e tipo de moto. Cidade, rodovia ou pista, de scooter, utilitária, trail ou esportiva, cada uso ou estilo tem sua luva certa.

Luva impermeável, luva de couro, luva para frio ou chuva, luva de cano longo, luva de meio dedo. Qualquer que seja a opção, usar luvas para andar de moto não é charminho, questão de estilo, mas sim item de segurança FUNDAMENTAL. Pense bem: na maior parte dos tombos de moto, seja aquele quase parado ou aquele rola a trocentos e passa, suas mãos vão, invariavelmente, tocar no chão. E daí?

Daí que tentar se proteger com as mãos é instintivo, e as consequências do contato do solo com sua pele é algo que te marcará, inclusive literalmente. Você definitivamente não precisa ter essa dolorosa experiência no seu currículo de motociclista.

No passado remoto as luvas não tinham muita tecnologia, eram pensadas mais para proteger do clima malvado do que dos tombos. Felizmente tudo mudou, e muito graças à competição, seja em pista como no off-road. Se hoje as luvas são altamente tecnológicas, confortáveis e exatas para suas preferências e necessidades, agradeça aos pilotos e seus tombos nas corridas.

Para quem roda 100% do tempo na cidade, usando uma moto pequena ou uma scooter, a escolha deve recair sobre modelos leves, fáceis de vestir e tirar. São tipos de luvas geralmente curtas, que não avançam além dos punhos. Na hora da escolha considere também o clima de onde você vive: se muito quente, prefira modelos ventilados, que misturam material têxtil com proteções de plástico rígido na parte superior dos dedos e dorso das mãos, com palma realizada de material sintético ou natural, mas sempre com proteções alcochoadas.

Já em climas mais frios, escolha modelos sem ventilação, de material mais espesso – geralmente couro – mas que sempre devem ter proteções nos pontos críticos, onde em caso de tombo o atrito será maior.

Se no uso de sua moto você frequentemente roda por vias expressas ou rodovias, prefira luvas mais protetivas, cujo comprimento avance sobre seu punhos. A razão é simples: quanto maior a velocidade, maior a necessidade de proteção, e também de uma melhor fixação à suas mãos. Luvas curtas podem sair de suas mãos em um eventual tombo em velocidade elevada, coisa mais difícil de acontecer com luvas longas, que tem fechamento mais justo e proteção extra nos punhos.

Para uso em pista, ou em viagens longas em ritmos elevados, a escolha deverá recair nos modelos extremos, aqueles dotados de proteção extra. São as luvas idealizadas para pilotos como Marc Márquez, que se arriscam a mais de 300 km/h nos circuitos do Campeonato Mundial, e que precisam de um nível de segurança elevadíssimo. Tais luvas são difíceis de vestir justamente para resistir à abrasão em alta velocidade sem sair das mãos do piloto. Usá-las no dia a dia, ou em viagens curtas, significa arcar com um incômodo grande a cada vez que é preciso tirá-las, apesar de oferecerem máxima proteção. Sendo assim, escolha um par que fique a meio caminho entre os modelos “pró” e os para uso urbano.

Já para prática do off-road, as luvas devem ser aquelas especificamente pensadas para as situações típicas da trilha. Leveza e conforto são itens importantes, mas nem por isso dá para renunciar à proteções reforçadas na parte superior das mãos, frequentemente exposta a choque com galhos e vegetação nos trechos mais estreitos. Fora isso, que faz off-road sabre que cair faz parte do jogo, portanto a luva ser resistente é obrigatório.

Outro aspecto a considerar na escolha de um par de luvas é o fator impermeabilidade: atualmente há modelos capazes de garantir que suas mãos fiquem 100% secas, mesmo debaixo de forte chuva durante longos períodos. Estas luvas são, em geral, bastante caras, pois são dotadas de membranas de alta tecnologia, que impedem que a água atinja as mãos e, ao mesmo tempo, permitem que o suor seja dissipado.

Seja qual a luva que você escolher considere sempre o conforto como elemento fundamental na hora da compra, item tão importante quanto a capacidade de proteção e a adequação ao seu tipo de uso. Afinal, se a luva é confortável, você terá prazer em usá-las e ela não afetará em nada sua pilotagem. Ou seja, mire na proteção aliada à segurança, mas sempre valorizando o conforto na pilotagem.